terça-feira, 5 de outubro de 2010

Duas escolhas, uma decisão. Para onde ir?

Quem dera a vida fosse fácil, quem dera se ela nos apresentasse soluções ao invés de problemas. Somos obrigados a fazer escolhas o tempo todo. Algumas são tranqüilas outras, no entanto nos deixa sem dormir, nos deixa em uma sinuca de bico. Mas não tem outro jeito, escolher é essencial para definir o caminho que iremos trilhar na vida, seja em qual área for. Acertar em nossas escolhas é ainda mais raro, entretanto a chance é de 50%, a sempre uma alternativa. Basta descobrir a tempo quais as possibilidades, ver suas capacidades e pronto tomar uma decisão, fazer uma escolha com medo, mas acreditando que dará certo. Com a jornalista e bancária Lisa Chalub foi assim. Ela se viu no meio de dois caminhos totalmente opostos. Ser jornalista e se realizar profissionalmente ou ser bancária e se realizar financeiramente.


Liza veio do norte de Minas tentar uma vida melhor em Belo Horizonte, muito cedo. Aos quatorze anos de idade já se viu a frente de uma decisão que iria mudar sua vida. Concluiu o Ensino fundamental e médio (antigo 2º grau) tranquilamente. Na faculdade não teve dúvidas e optou pelo curso de jornalismo, ela declara: “a escolha por essa área era certa, pois me encontrei na poesia desde nova e sempre tive bastante afinidade com o português”. O tempo foi passando e um sonho de infância acordando. Depois de formada se lembrou de um sonho antigo: o de seguir a carreira dos pais, e ser bancária.


Não pensou duas vezes, fez um concurso e trocou o dicionário pela calculadora. Porém oito meses depois de estar no banco, viu que não era aquilo que ela queria. Decisão difícil, largar tudo e voltar para a profissão antiga? Ou continuar no banco e não ser tão feliz. Ela pensou e decidiu: “Fui em busca da satisfação e um lugarzinho no mercado novamente. Enfrentei críticas, muitas críticas, mas voltei para o jornalismo e, agora, trabalho com prazer”. Uma escolha que no início parecia errada, foi o que realmente se encaixou em seu perfil, em sua realidade. Hoje Lisa esta feliz, e diz: “Não me arrependo, estou satisfeita com os resultados até aqui”.


Bate bola


Deus:
Ele existe e cuida de cada detalhe da nossa existência
Família: Meu referencial
Trabalho: Satisfação e crescimento
Pessoas: Essenciais em nossas vidas
Vida: Uma dádiva de Deus
Amor: Importante dar e receber
Um livro: Difícil definir apenas um, depende muito do gênero. Por isso, destaco a Bíblia, pois creio que ela seja um manual para nos relacionarmos com o próximo e fazermos nossas escolhas na vida.
Uma música: All I Ask Of You
Uma cor: rosa
Uma frase “Existem coisas melhores adiante do que qualquer outra que deixamos pra trás”. C.S Lewis
Humildade: Fundamental e deve ser trabalhada dia-a-dia
Superação: Indispensável para saúde física e emocional
Sucesso: Conseqüência das nossas escolhas, mas não é o fundamental
Escolhas: Enfrentá-las com coragem e ousadia é o melhor
Você: Uma pessoa tranqüila e que busca alegria na simplicidade das coisas

3 comentários:

Mariana Neto disse...

Parabéns, amiga!
Vc é show. Muita saudade.
Beijoks
Mary

Janu disse...

O importante é fazer o que gosta sem se preocupar (tanto) com dinheiro. Um dia vem a recompensa do esforço válido.

Parabéns pelo blog amigaa!!!

wallace disse...

Kezia,
Estive dando uma olhadinha no seu blog.
Parabens, o conteudo esta muito bom.
que Deus continue fazendo prosperar o trabalho de suas mão.abraços