quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Flávio Machado, um locutor de sucesso!



Os embalos da música na sua manhã.

Quem diz que os sonhos não se realizam é porque nunca sonhou. Uma brincadeira de criança que começou aos doze anos, trouxe um sucesso que nem ele mesmo imaginava. Estamos falando de Flávio Machado, o dono de uma das vozes mais marcantes do rádio da capital mineira. Trabalhando em rádio há 21 anos e há nove a frente do programa Alô BH, transmitido pela BH FM, Flávio traduz música em vida, e segundo ele, ela é sua maior aliada: “Meu papel é costurar as músicas fazendo com que o programa faça sentido... A música é minha maior parceira de trabalho.”

A interatividade dos meios de comunicação com os seus usuários têm características e qualidades cada vez mais trabalhadas. A internet e a TV podem usar cores, imagens, vídeos. Já os programas de rádio se vêem com o desafio maior de conquistar seus ouvintes apenas pela voz. É ai que entra o papel de um bom locutor ele têm que atrair atenções, passar informações e se tornar “amigo” das pessoas que o escutam. Flávio acrescenta: “uma responsabilidade GIGANTE. O compromisso e envolvimento que se deve ter sempre que se abre o microfone. Sei que faço parte da vida de muita gente e isso gera compromisso. Vira relacionamento.”

Outras brincadeiras de Flávio também deram certo. “Eu brincava que era Locutor da Rádio Cidade, aos 19 entrei no ar na Rádio Cidade, via Satélite pro Brasil inteiro... legal, né? (SIC)” declara ele. Hoje aos 36 anos de idade, ele confessa que não fez nenhum curso superior, e que a primeira vez que entrou em uma faculdade foi para dar aulas à alunos do curso de jornalismo, RP e Publicidade, através de WorkShop`s. Sua ótima performance como locutor deve-se ao talento e ao dom que possui.

Independente do ritmo, do cantor ou do idioma, a música nos permite relaxar, refletir, paquerar, ou até mesmo viajar por um mundo de ficção. Para Flávio Machado “a música diz o que a gente ñ encontra palavras pra expressar. A música traz a dança, a vida. Eu costumo dizer que existem dois tipos de música... A música do corpo e a música da alma.”

Ele também possui outro dom: ESCREVER, em seu blog http://www.flaviobhfm.blogspot.com/ freqüentemente ele posta seus textos. E nessa matéria ele deixa um para reflexão: “Relacionamento pode ser simples. Pensa bem: Pra que eu me aproximaria de vc se ñ pra te trazer paz?... pois em Paz, vc é mais leve. Então trago música, pra sua Alma... Aromas pra tua lembrança... flores pro teu caminho... beijo pro teu arrepio. O que eu mais gosto em você é o teu sorriso, logo trarei bom-humor... na tua mesa ofereço o prato predileto, a bebida favorita. A segurança virá da coerência entre palavras e atitudes e claro... do abraço forte. Pras tuas angústias, ofereço meus dias de folga... Pros Domingos ofereço o controle remoto... Na cama minha virilidade e na vida porto seguro... Ofereço Rio, Mar, Parque de diversões, vidros abertos, casa arejada e toda a minha Paz! Ofereço tudo isso, mas com uma condição: Quero aprender tudo que vc tem pra me ensinar. Pq se aproximar só vale mesmo se for pra ficar. Lealdade, eis o meu lema”


By: Kézia Sena

Um comentário:

Mariana Neto disse...
Este comentário foi removido pelo autor.